dearmonalisa:

“Amizade é tudo”

Posted 11 May 2013, 1 year ago | 2 notes | reblog this post
(originally dearmonalisa / via dearmonalisa)
Escutei chorando, a música que cantávamos rindo.
Desconhecido.   (via falsoapaixonado)
Posted 7 January 2013, 1 year ago | 15,603 notes | reblog this post
(originally n-closed / via desapeg4d-a)
Sempre que me perguntavam como eu gostaria de ser lembrado, respondia: com um sorriso.
Paul MacCartney.   (via falso-mentiroso)
Posted 7 January 2013, 1 year ago | 42,028 notes | reblog this post
(originally viel-liebe / via desapeg4d-a)

Você já teve uma primeira impressão ruim de alguém que depois se tornou um grande amigo?

Posted 7 January 2013, 1 year ago | 113 notes | reblog this post
(originally dynamo-s / via desapeg4d-a)

orgulhar-te:

Me chamam de fria, até muitas vezes dizem que estou mentindo… A questão não é se apegar rápido, ou não se apegar a ninguém, a questão é não se apegar a pessoa só porque a beijou… Quando falo para as pessoas que sou do estilo romântica, começam a rir, o motivo? Ah eu até sei, o motivo é porque não me apaixono pelo beijo, não me apaixono pelas palavras que são ditas e que podem ir embora com o vento, não acredito em qualquer coisa, e é por isso que negam tanto que eu seja tal romântica, mas eu sou… Ainda acredito naquele amor que pode superar as dificuldades, os defeitos um dos outros… E é por isso que ao invés de eu me apaixonar por aquilo que já citei acima, me apaixono pelo jeito, e como a pessoa é, o modo como ela sorri, como ela me faz rir. Costumo me apaixonar por pessoas que não estão nem ai pra mim, ou que não querem nada além da minha amizade, posso ser nova, mas já vivi o bastante para me acostumar e me confortar com essa tal ideia. Costumo me apaixonar pelos pequenos detalhes, me apaixono por as coisas mais simples, pois como sempre digo: “a beleza da vida está nas pequenas coisas, nas coisas simples”.

Eu não desacreditei no amor, o fato é que, todos falam de amor, mas poucos são os que realmente sentem. Então eu prefiro não falar, me trancafiar no próprio mundo que construí para mim. Por isso as pessoas não me entendem, elas sabem de mim somente aquilo que eu quero que elas saibam. Eu me fiz de dura, sorri quando queria chorar, andei quando quis correr, esperei quando queria seguir. Na verdade ninguém ao certo quer me conhecer totalmente, me descobrir, sempre se limitam quando o assunto é “o que sabem de mim”. Acredito em anjos, em fadas, e como acredito em tais coisas, também acredito no amor, não naquele amor de um “eu te amo” de semanas, e de meses, mas aquele amor que dure a vida toda, que enfrenta o tempo, a distancia, e todas as barreiras que vier pela frente. Eu te amo já virou algo banal hoje em dia, é mais fácil se ouvir um “eu te amo” do que um bom dia. Então prefiro, esperar. Não esperar meu príncipe em um cavalo branco, com armaduras, prefiro esperar o cara que vai fazer mudar os meus conceitos sobre o amor. Eu também faço diálogos melosos, ensaio como será nosso primeiro dia quando todos souberem que estamos juntos, faço planos, por mais que não pareça. Eu prefiro não transparecer, o meu amor é a minha fraqueza, é meu calcanhar de Aquiles. Então o deixo aqui guardado, com o meu jeito não-romântico, ou romântico até demais. Para aqueles que não me conhecem, eu sou somente a insensível, pra aqueles que me conhecem sou apenas uma garota esperando viver um dito romance de filmes, onde será reciproco, e no final de tudo, tudo vai ficar bem, alguém esperando um “até que a morte nos separe”, sou somente alguém que espera no amor, mais não que morre por ele.

Lare Figueiredo - Cintia Rodrigues (orgulhar-te)

Posted 6 January 2013, 1 year ago | 97 notes | reblog this post
(originally future-skinnygirl / via future-skinnygirl)
Posted 6 January 2013, 1 year ago | 29,312 notes | reblog this post
(originally insexs / via desapeg4d-a)

Vem que eu te faço um cafuné

Posted 6 January 2013, 1 year ago | 635 notes | reblog this post
(originally stilomadame / via desapeg4d-a)

orgulhar-te:

[..] É agora eu percebi que não adiantou nada..Não adiantou eu ter apagado o seu numero de telefone do meu celular,pois eu sabia de cor,não adiantou eu ter deixado pra lá as sms e os apelidos bobos,porque tudo que passava sobre o amor, ou quando me perguntavam sobre tal, momentaneamente vinha o seu rosto na minha cabeça. Mais também não adiantou todos os ” eu te amo” e os “fica comigo ?” pois nenhum fez você permanecer. Eu não entendo porque ainda o som da sua voz ,é a minha musica predileta,porque todas as noites vem invadir os meus sonhos ?. eu não quero amor, eu não posso ter um fantasma na minha vida, que me assombra todas as noites, e me assombra quando o assunto é ” amor “. Não adiantou todas as promessas feitas, todos os planos, e um futuro a dois, não adiantou nada. Pra no final saber que só existia amor de uma parte, que sempre foi a minha. [..]

(orgulhar-te)

Posted 6 January 2013, 1 year ago | 2,622 notes | reblog this post
(originally future-skinnygirl / via future-skinnygirl)
Posted 6 January 2013, 1 year ago | 51,969 notes | reblog this post
(originally insexs / via desapeg4d-a)
Eu estava triste, mas dizia: É o cansaço
O pequeno príncipe. (via poetarealista)
Posted 24 October 2012, 1 year ago | 32,828 notes | reblog this post
(originally so-quotes / via hurtedd)
É errado querer você. Mas eu sempre tive uma queda por erros.
João Pedro Bueno, Sabedorias. (via sabedorias)
Posted 24 October 2012, 1 year ago | 40,354 notes | reblog this post
(originally sabedorias / via hurtedd)
É normal mesmo, com o tempo você vai ver que a vida não é um mar de flores, e que você tem que enfrentar tudo de cabeça erguida. Você aprende que não são exatamente as pessoas que você ama que vão te amar. Que realmente vão haver problemas, eles podem acabar com você, mas no outro dia o sol vai nascer novamente. Sempre foi assim, a vide sempre colocou algumas pedras no caminho, é normal. Só não pense que a vida é fácil. Na realidade a vida é muito dura, a vida é sofrida. A vida não é esse mar de flores que todos pensam que é, não mesmo. Ela sempre vai te testar, sempre vai te pregar peças, sempre vai te fazer algumas pegadinhas pra ver se você é forte, mesmo não querendo. Porque se você ainda for fraco, ela vai pregar mais e mais peças. Então nos temos que aprender a ser forte. Por mais duro que seja, nós temos que ser fortes. Além de tudo e todos, porque algumas pedras surgem no caminho para ser retiradas, e outras, você vai ter que ter maturidade suficiente, para recolhe-las e no final construir seu próprio caminho.
 Eu juro, pode demorar, mas um dia você vai aprender que a vida é bonita, mas díficil, assim como vai aprender a valorizar cada segunda da sua vida. A valorizar as pessoas que te amam, as pessoas que te mostra carinho. Adaptei esse texto, mudei grande parte, mas coloquei outros no meio - Júlia Agostinho (via sentimentos-nocivos)
Posted 24 October 2012, 1 year ago | 6 notes | reblog this post
(originally hurtedd / via hurtedd)